Testeira
  coluna-luigi-moretto   / Cuidados com os cabelos

Loira e lisa: até onde os fios conseguem aguentar? Hair stylist explica como evitar a danificação dos cabelos tingidos com progressiva

Luigi Moretto, colunista da Manequim, contou às leitoras quais os cuidados diários que pessoas com esse tipo de cabelo devem ter; o profissional ainda indicou um cronograma capilar específico que deve ser seguido à risca

Luigi Moretto Publicado quinta 25 março, 2021

Luigi Moretto, colunista da Manequim, contou às leitoras quais os cuidados diários que pessoas com esse tipo de cabelo devem ter; o profissional ainda indicou um cronograma capilar específico que deve ser seguido à risca
Hair stylist explica como evitar a danificação dos cabelos tingidos com progressiva - Freepik

Sempre gosto de dizer e repito: cabelos tem que ser bonitos e práticos. É o seu gosto e a praticidade da sua rotina que vai dizer o que você vai fazer nos seus cabelos, mas toda mudança nas madeixam exigem bastante cuidado para não sacrificar a saúde e a integridade dos fios.

Bom, já que a ordem inicial é atender a tudo o que satisfaz em 100% quem segura os fios, se uma mulher não abre mão nem dos loiros e nem dos lisos, é preciso cuidar e entender como cada uma dessas químicas atua no fio para tomar a decisão com confiança. Por isso que todo cabelo precisa ser estudado por um profissional para avaliar a compatibilidade química, e isso depende muito dos procedimentos prévios que foram realizados antes. Converse com seu cabeleireiro e exija um teste de mecha para ter certeza de que os cabelos vão aguentar todo o processo e que o resultado, além de bonito, será saudável ao final do processo.

Agora vamos às principais dúvidas que recebo diariamente no meu salão. Tenho certeza que uma delas pode ser a sua. 

Porque um cabelo com mechas pode sofrer mais com a progressiva?

O cabelo com progressiva pode oferecer uma certa resistência à mistura descolorante usada para fazer luzes já que ele cumpre o papel de encapsular o fio, criando uma película ao redor dele. Com isso, o fio fica com uma aparência bonita por fora, mas que pode estar machucada por dentro e isso pode até impedir a descoloração de chegar na cor desejada.

Os cuidados diários precisam ser redobrados?

Os cabelos lisos e loiros demandam cuidados extras como usar o shampoo e a máscara para combinar uma limpeza suave que faça um tratamento intensivo para o fio. Depois do banho, é essencial finalizar com um creme de pentear, que vai ajudar a selar os nutrientes na fibra para prolongar a durabilidade dos resultados. 

Para as adeptas do secador e de outros aparelhos com alta emissão de calor, vale apostar em cremes sem enxágue que ofereçam proteção térmica.

Quais são os principais danos da progressiva?

Um dos principais problemas causados pela combinação de procedimentos químicos é o ressecamento dos fios. Por isso é importante fazer hidratações com frequência utilizando produtos que reconstroem a fibra capilar a base de queratina, proteína e aminoácidos além de claro, um acompanhamento de perto com um profissional que entenda dos fios que foram submetidos às químicas.

Quais são os diferentes tipos de progressivas mais comuns hoje no mercado?

Escovas progressivas (compatíveis com alguns loiros):
- formol;
- carbocisteina;
- aminoácidos.

Escovas definitivas (sem compatibilidade com loiros):
- tioglicolato de amônia;
- guanidina;
- hidróxido de sódio.

Agora que você já sanou suas dúvidas e está decidida a ser lisa e loira, esse cronograma capilar vai te ajudar a manter saúde e beleza lado a lado. Siga à risca, ok?

Cronograma capilar para cabelo com progressiva:

1ª semana: hidratação – nutrição – reconstrução + umectação

2ª semana: nutrição – hidratação – nutrição + matização

3ª semana: hidratação – nutrição – reconstrução + umectação

4ª semana: hidratação – hidratação – nutrição + matização



Luigi Moretto, colunista da Manequim, é hair stylist especialista em colorimetria desde 2009 e escolheu essa profissão puramente por PAIXÃO.

Teremos novos conteúdos sobre tendências no mundo da beleza toda quinta-feira aqui na coluna do profissional!

"Costumo dizer que não fui eu quem escolheu ser um hair stylist, foi a profissão que me adotou pelo meu amor ao que faço. Enfermeiro de formação desde 2005, a minha paixão pelos cuidados com a saúde e com a beleza se misturaram com a minha vocação e me fizeram trocar os hospitais para tratar de saúde no meu salão, na Rua da Consolação, em SP, no ano de 2009.  

De lá pra cá foram incontáveis cursos, especializações e workshops com profissionais nacionais e internacionais sempre mantendo o meu foco principal em colorimetria, cortes e criação de tendências. 

Quero usar de tudo o que já sei e o que ainda vou aprender para compartilhar com vocês semanalmente por aqui. Divida comigo as suas dúvidas, vamos falar sobre tendências, sobre auto cuidado, sobre auto estima e, sobretudo: vamos nos cuidar. Saúde e beleza, para todos nós!

Sejam muito bem-vindos".

Último acesso: 14 Apr 2021 - 14:21:14 (1044041).